© Certaja.

21/11/2016

Cooperação para mudar cotidiano de jovens é tema de evento da CERTAJA

Cerca de 230 estudantes se envolveram na disputa cultural proposta pelo Projeto Sementes do Cooperativismo. Apresentações destac

Cerca de 230 estudantes se envolveram na disputa cultural proposta pelo Projeto Sementes do Cooperativismo. Apresentações destacaram a importância de cooperar para melhorar a vida


Na manhã de 18 de novembro aconteceu na ACERTA o ponto alto do Projeto Sementes do Cooperativismo, promovido pela CERTAJA, em Taquari. O evento contou com a presença de jovens do 6º ao 9º ano das escolas Carlos Gomes (Tabaí), Gonçalina Pinto Vilanova (Paverama) e Liberato Salzano Vieira da Cunha (Triunfo). Apresentações culturais abordaram o tema da cooperação e entusiasmaram.


Uma mistura de alegria e motivação marcou a presença das três escolas. Um vai e vem colorido e repleto de sorrisos podia ser visto o tempo todo. Uma tensão positiva também pairava no ar, inspirando os alunos a darem o melhor de si para demonstrar a importância do cooperativismo a fim de modificar e melhorar a vida das comunidades onde vivem.


Contando a história de uma família de fruticultores do interior, os alunos da Escola Carlos Gomes relataram seus esforços para vencerem as dificuldades. A partir de uma atividade realizada na aula de Educação Física com bambolês, veio a ideia de valer-se desse brinquedo para mostrar como cooperar pode fazer a diferença. Assim, ficou clara a conexão entre cooperar e o surgimento de novas perspectivas de vida como um todo.


A Escola Gonçalina Pinto Vilanova teve como temática central as mudanças climáticas e enfatizou a necessidade do cuidado ao meio ambiente através de uma aula apresentada ao público. Os alunos contaram, também, a gênese de formação da CERTAJA, fundada em 1969. Declaração de poemas, músicas e uma banda com instrumentos marciais trouxe o ritmo da reflexão importante de se agir com o futuro em frente aos olhos.


Plantar aqui e agora as sementes do amanhã foi o fio condutor da Escola Liberato Salzano Vieira da Cunha em sua intervenção. A dança do pau de fita representou a união em uma simbologia poderosa, mostrando a importância de cada pessoa para que um objetivo seja alcançado. O crescimento da coletividade, ao invés do individualismo, foi destacado como um dos pilares fundamentais do cooperativismo.


EMPENHO - Para o presidente da CERTAJA Energia, Renato Martins, as apresentações são motivo de orgulho e emoção pelo empenho e dedicação que demonstram. “Essas atividades nos mostram como os jovens estão refletindo e estão comprometidos com um mundo melhor”, frisou. Para o presidente da CERTAJA Desenvolvimento, Pedro Maia, as participações foram brilhantes: “Esse é um dos investimentos mais importantes da CERTAJA, pois visa a formação de cidadãos. E investir na educação para formar pessoas completas é acreditar no futuro do país. ”


Nos intervalos as mágicas de Tio Tony e Rita divertiram e aguçaram a curiosidade do público. Coelhos e pombas que apareciam do nada, uma mulher que “perdeu a cabeça”, jogos de argolas e flores mágicas foram alguns dos truques desse momento encantado.


Os quesitos avaliados pelo corpo de jurados foram a adequação ao tema proposto (cooperativismo), criatividade, clareza e originalidade. Dessa forma, a comissão escolheu a Escola Carlos Gomes, de Tabaí, como campeã, premiada com R$ 1 mil reais e um troféu. As escolas Gonçalina Pinto Gonçalves e Liberato Salzano Vieira da Cunha dividiram o segundo lugar. Cada uma recebeu R$600,00 e troféus. Uma chuva de balões seguida de almoço de confraternização encerrou esse dia festivo.


VALORIZAÇÃO DO SER - Criado em 1998 e reformatado em 2010, o objetivo do Sementes do Cooperativismo é ampliar a educação cooperativista para além dos associados, visando preparar os futuros líderes e cooperados da CERTAJA a contribuírem com o desenvolvimento da cooperativa. O projeto atende o 5° princípio do cooperativismo (Educação, Treinamento e Informação), que trata da Educação Cooperativa, manifestando o compromisso com a comunidade e é desenvolvido em escolas da área de atuação da Cooperativa. A valorização do ser, ao invés do ter, é um dos alicerces do Sementes. A organização do projeto está sob a responsabilidade do Núcleo de Comunicação da CERTAJA. O projeto conta com a parceria e apoio do Sistema Ocergs/Sescoop-RS.


Inúmeras autoridades conferiram de perto os talentos dos jovens estudantes: Gustavo Borba, do SESCOOP/RS, Bernardete Cerutti, professora e agente de negócios da Univates, Sabrina Freitas, coordenadora de Cultura de Taquari, e Rodrigo Rodrigues, representando a Secretaria de Educação de Taquari. Também estiveram presentes Vanderlei Markus, prefeito de Paverama, Guildo Hoppe, secretário de Educação de Triunfo e Cristiane Cairuga, assessora da Secretaria de Educação de Triunfo. O presidente da CERTAJA Energia, Renato Martins e seu vice, Gilberto Coutinho, o presidente da CERTAJA Desenvolvimento, Pedro Maia, e diversos conselheiros de ambas cooperativas acompanharam a atividade.


sementes-1 sementes-2

Suporte Certaja